Rotina e planejamento

Quando a gente segue as “divas fitness” no Instagram, parece que a vida é sempre um eterno “Glamour”, que todas acordam com seu suco verde fresquinho, em copo de cristal, fazem seus treinos no horário, conforme a planilha, em paisagens espetaculares, almoçam em restaurantes incríveis e à noite ainda são convidadas para eventos mais incríveis ainda com outras celebridades da net… mas daí pensamos… “na vida real, a coisa é mais embaixo! Ah, se eu tivesse esse tempo!”

Então, eu que não sou diva nenhuma e estou no WordPress e Instagram por pura insistência de divulgar o que acredito, te digo que sim, que na vida real, realmente a coisa é mais embaixo, mas que isso não pode é motivo pra não tomarmos as rédeas da nossa vida, do nosso tempo.

Já falei por aqui dos probleminhas de saúde que andei enfrentando e saúde não é “mimimi”. É coisa séria e temos que tratar. Sem saúde, não adianta emprego nem filho com roupa nova ou viagem pra Disney. Saúde é prioridade.

Por outro lado, para a organização do tempo, cada um elege suas prioridades conforme preferir. E, nesse momento, é que entendo que cada um se torna responsável pelos resultados que atinge.

Temos que trabalhar? Claro! Se não somos do grupo de ricas e herdeiras, ou se não recebemos tudo em “permuta” por divulgação em redes sociais como os “top youtubers” talvez recebam, temos contas pra pagar.

Temos que cuidar da casa? Dos filhos? Dar atenção pro marido? Tomara que sim! Quer dizer que temos casa, filhos e marido, que fazem nossa vida mais feliz e completa!

Mas será que não temos aquele tempo pra fazer algo só pra gente?

Hoje está sendo um dia fora da minha rotina. Tenho horário pra trabalhar, mas ele muda de acordo com alguns compromissos. Hoje, por que eu que moro em Osasco (zona oeste de São Paulo, pra quem não conhece), precisava chegar antes das 8h00 da manhã em um compromisso na Zona Sul, tive que sair muito cedo de casa. Pra piorar, hoje, quinta, é meu dia de rodízio, o que quer dizer que não posso circular com meu carro de placa final 7 na região do “centro estendido de SP das 7h00 às 10h00 e das 17h às 20h00. Ou seja, tinha que ir de ônibus + trem.

Ah, então quer dizer que não deu tempo pra treinar? Claro que não! Quer dizer que olhei a planilha, vi que era curto o treino (período de base/retorno) e acordei às 4h00 da manhã pra correr cedo.

Ainda deu tempo de preparar o café da manhã, os lanches do dia e os almoços, meu e de meu marido, conforme as duas dietas específicas de cada um.

E cheguei no meu compromisso de trabalho com 15min de antecedência.

Isso quer dizer que sou melhor que outra pessoa? The Flash? Mulher Maravilha? Que suporto tudo? Claro que não! Só que estou estabelecendo prioridades.

O treino é importante por que me faz bem. Física e mentalmente. A dieta é importante pra atingir meus resultados no treino e tentar evitar novos problemas de saúde. Então eu me organizo.

Preparo porções individuais e separadas de carbo, de proteínas, tenho sempre opção pré congelada. Caseira. Cozinho ovos orgânicos enquanto tomo café, lavo a salada logo quando saio do banho, na correria… e aos poucos, naquele tempinho de “enrolar no facebook”, tudo fica pronto…

Mas nem sempre tudo dá certo! E aí a gente improvisa…

Hoje mesmo, apesar da dieta estar inteira na bolsa térmica, meu compromisso se prolongou… e eu não tinha como, com cliente, dizer “deu meu horário, vou almoçar aqui, minha porção individual e equilibrada, de acordo com a minha nutri. Licença, por favor…”

Então, hoje mesmo fiz um “jejum intermitente forçado” de oito horas, totalmente fora da dieta, do programa… Acontece.

Imprevistos acontecem. Na primeira oportunidade que fiquei sozinha, tirei a porção de castanhas e frutas secas da bolsa. Era o que dava. “O que tinha pra hoje”. Mas ainda assim, vou feliz pra casa mais tarde. Não usei a desculpa do trabalho, da correria, pra comprar um pão de queijo ou uma coxinha, nem um chocolate pelo caminho. Furei a dieta por que não deu para encaixá-la no dia de hoje? Furei. Nos que diz respeito aos horários, “readequei do meu jeito”. Mas… acontece!

Somos falíveis, sim. Nossa vida é corrida. Mas gosto de pensar que estou fazendo o melhor. Minha auto estima e disposição melhorou muito depois que descobri e passei a tratar os problemas hormonais mas ainda não me verão de “mulher maravilha”. E nem vou fazer parecer que tudo é fácil e que podemos ser um unicórnio, que basta acreditar. Sou do contra, sim.

Defendo que somos humanas. Vamos nos organizar e nos cuidar. Não vamos salvar o mundo. Nem vencer tudo e todos. Só quero ser feliz e saber que hoje sou e fiz um pouquinho melhor que ontem.

Anúncios

Já escolheu sua meta para 2015?

Para quem já está pensando em se organizar para as provas de 2015, a Prefeitura de Curitiba dá uma mão e divulga o calendário com todas as provas já agendadas para a cidade no próximo ano (segundo o próprio documento, alguns eventos ainda estão sob análise e por isso ainda não foram incluídos).

Mas duas novidades me chamaram a atenção:

Serão duas etapas da Track & Field Run Series na capital paranaense! Já no início de fevereiro teremos a nova etapa Shopping Pátio Batel!

E, além disso, teremos não só uma prova, mas um circuito de corridas com obstáculos militarizados organizado pela Nosso Time Eventos Esportivos – para quem quer se divertir, com certeza será uma boa pedida!

Veja o calendário e se defina suas próximas corridas neste link!