Como cego em tiroteio

Lembra quando ovo era um veneno para o colesterol? E que depois deixou de ser? E depois, ainda, que passou a ser uma das principais fontes de proteína para quem treina?

E o que falar do glúten? Tirando o caso dos celíacos, o que nós, pobres mortais, podemos fazer? Uma hora a gente lê “Barriga de Trigo” e decide cortá-lo totalmente da dieta, daí abre o Instagram e vê algum nutricionista dizendo que não é bem assim…

Adoçantes em vez de açúcar? Você está louca? Sempre tem alguma pesquisa relacionando-o com alguma doença.

Ah, e a frutose? Pode ou não pode? Você fica feliz da vida que conseguiu cortar o açúcar refinado e o adoçante da sua vida e de repente descobre que aquela fruta que você acreditava ser super saudável está repleta de frutose, que é considerada tóxica para o nosso organismo…

Corto ou não corto o carbo? E o suco detox, desintoxica mesmo ou em grande quantidade o consumo de couve afeta a tireoide?

Greve de fome nem pensar, pois temos que comer de três em três horas, mas o que comer se tem pesquisa pra todo lado?

Quem mais se sente perdida entre tanta informação?

PhotoGrid_1427332644600[1]Como gosto de destacar, não sou nutricionista e não estou aqui pra passar dieta pra ninguém, mas tenho acompanhamento de nutrólogos a bastante tempo e se aprendi alguma coisa (além de não fazer dieta “por conta”) é que exageros não fazem bem, nem pra menos nem pra mais.

Eu reaprendi a me alimentar. Há alguns anos, minha dieta era rica em carboidratos simples, pouquíssima salada, pouca carne, várias idas em barzinhos com frituras e bebidas alcoólicas. Tudo isso associado a uma rotina de vida estressante e sedentária. O resultado? Claro que foi alguns bons quilos a mais e um princípio de distúrbio alimentar o qual, graças a Deus, tratei logo.

E foi com o tratamento que comecei aos poucos a reeducação alimentar, com uma preocupação maior em incluir alimentos em minha dieta do que propriamente em tirar, bem como inserir lanches entre as refeições.

Note que se você nunca estiver “morto de fome” a chance de comer exageradamente é menor. E se você se forçar a comer aquele “pratão” de salada e o frango grelhado, por mais que vá se servir também de macarrão, já será em menor quantidade…

Ainda, se tiver em casa tapioca, aveia, bananas, iogurtes, etc por que mesmo eu comeria pão com manteiga pela manhã?

A mudança começa antes na cabeça. Depois reflete no corpo. Se você não fizer as escolhas certas já no super mercado, certo é que não conseguirá seguir dieta alguma.

Ah, mas não precisa tirar nada do cardápio mesmo? Não sei… O ideal é, sim, sempre, buscar um médico ou nutricionista que fará uma avaliação totalmente personalizada para você, mas, em geral, acredito que a moderação é a palavra chave.

No meu caso, depois de abusos de férias, estou voltando ao meu peso normal aos poucos e a orientações do meu médico é de incluir mais peixes de águas frias, gengibre, alho, aveia, brócolis…Cortar? Sim, a ordem é cortar café. Mas por alterações dos meus exames. É uma regra específica.

Por outro lado, lá em casa não entra, em regra, açúcar comum nem lactose e diminuí muito o glúten, optando por produtos feitos a base de arroz, quinoa ou outros. Mas se tenho visita, compro logo os ingredientes e faço uma torta Banoffe com doce de leite, creme de leite etc. Se vou a um barzinho com amigos, o que, pela rotina de treinos é bem mais raro hoje em dia, não deixo de tomar um drink e comer uns petiscos, com glúten, fritura, ou o que seja.

Levo marmita para o trabalho, mas nunca para uma festa. Sem paranoias e sem terrorismo!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Como cego em tiroteio

  1. Interessante seu post. Por incrível que pareça estava hoje mesmo falando com meu marido sobre isso. Uma hora uma coisa faz mal para a saúde, outra hora faz bem! Dei o exemplo da soja, que foi tanto cultuada há alguns anos atrás e agora já não é mais. E ontem mesmo li uma reportagem que as folhas verde escuras não devem ser comidas cruas, por causa da tireóide, porém quando crua contém substâncias anti-cancer. Chegamos a conclusão que é melhor comer um pouco de tudo sem exageros!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s