A excelente prova realizada em Pinhais/PR

Pouco tempo atrás, ressurgiu no facebook do Corre, Mulher! a discussão da “pipoca” e acredito que até perdi leitoras por expor minha opinião contrária à participação em eventos esportivos sem a devida inscrição.

Mas, como o famoso argumento do  alegado valor abusivo das inscrições é bastante frequente (embora duvidoso, pois embora tenha realmente gente com dificuldades financeiras, conheço gente que dirige carro que vale mais do que meu apartamento e vai correr de pipoca mesmo assim), resolvi  tentar, dentro do meu alcance, fazer algo para mudar essa situação, mostrando que é possível participar de provas legais, tendo seu tempo devidamente aferido, eventualmente com kits bacanas, sem que tenhamos que gastar fortunas pra isso.

A primeira prova divulgada por aqui foi a realizada este domingo e foi realmente muito boa, para reforçar a idéia de que vale a pena participar dessas provas e me dar motivação extra pra levar pra frente o projeto “O Barato da Corrida” por aqui!

Estacionamento fechado. Segurança garantida!

Estacionamento fechado. Segurança garantida!

A 4ᵃ Corrida Rústica de Pinhais já começou nos surpreendendo:  A largada seria no Kartódromo Raceland, o qual cedeu o espaço de estacionamento fechado de forma gratuita. Não houve assim, qualquer preocupação com segurança ou qualquer extorsão por “flanelinhas” como ocorre em toda etapa do Circuito Adidas no Jóquei Clube, que tentam cobrar R$ 5,00 ou R$ 10,00 adiantados para “cuidar do carro” na rua e nunca encontramos ninguém por perto quando vamos embora.

Banheiro de verdade!!!

Banheiro de verdade!!!

Entrando no kartódromo já outra boa surpresa: os banheiros estavam liberados. Note-se que na Maratona Beto Carrero, em Penha/SC, embora tenha uma super estrutura no kartódromo e seja a inscrição mais cara que já paguei até hoje, os banheiros ficam interditados para os atletas, disponibilizando-se apenas banheiros químicos. Só quem já precisou de banheiro antes da prova tem noção do quão bom é ter um vaso sanitário de verdade e uma pia pra usar…. Então é sim de se destacar este ponto positivo da prova.

A prova teve largada pontual às 7h30, percurso totalmente plano e o único trecho (de aproximadamente 1,5km) que a rua não era asfaltada estava em boas condições e contava ainda com uma ciclovia de asfalto ao lado, para quem quisesse utilizar.

Durante todo o percurso, boa sinalização e bom controle pela organização e pela guarda municipal do Município nos cruzamentos, evitando buzinaços e/ou carros “tocando em cima” dos atletas.

O clima também ajudou. Embora quente, a manhã estava nublada. O único ponto negativo que posso afirmar foi quanto a distribuição de água. Havia 3 pontos de hidratação bem distribuídos nos 10K. Porém, talvez por falta de experiência do staff ou por falta de staff mesmo, não sei ao certo, a entrega dos copos d’água estava um pouco demorada.

A limitação em 1000 atletas garantiu a boa estrutura da prova

A limitação em 1000 atletas garantiu a boa estrutura da prova

No primeiro ponto, não consegui pegar água pois estavam tentando tirar a fita adesiva que lacra a caixa de papelão. Um amigo que passou por lá pelo menos 3 minutos antes relatou o mesmo problema. Quanto tempo se leva pra abrir uma caixa? E por que a caixa estava lacrada? Águas todas quentes também, o que eu nem reclamo, pois pelo que sei água muito gelada é ótima pra “quebrar” o atleta… mas no verão, na nuca, até que vai bem…

Durante a prova, segui as orientações do meu técnico que mandou pegar leve e lembrar que não se tratava de prova alvo. Embora estivesse com um dos técnico e dois colegas de assessoria que queriam aproveitar o percurso plano pra fazerem tempo, optei por largar de leve, um pouquinho pra trás deles para não cair na tentação de largar forte e acabar quebrando no final… Inicialmente, estava um pouco assustada, achando que o nível de todos era muito alto. Fiquei com medo de me ver muito ultrapassada e que isso me desestimulasse… mas ficando um pouco mais pra trás e ouvindo uma conversa ou outra das atletas, já me acalmei. Eu não era a única amadora por lá.

Minha chegada registrada pelo Tiago!

Minha chegada registrada pelo Tiago!

O percurso plano realmente ajudou e garantiu muitos recordes pessoais (do Tiago – técnico da Trainer, do Ricardo, do Luizz). Fiz a prova num ritmo mais ou menos constante e, quando pude avistar o relógio na chegada, já mudando do minuto 54 pro 55, apenas, é que dei um sprint final, garantindo também o meu melhor tempo: Passei na linha de chegada exatamente no tempo bruto de 55’29”, que era o meu tempo líquido da minha primeira prova. Terminei, assim, com 55’10” líquido, em 49˚ lugar geral e 10˚ na minha categoria – super feliz e orgulhosa dessa vez!

Mais fotinhos!

Com o Luiz, do blog Corridas do Luizz

Com o Luiz, do blog Corridas do Luizz

Galera Trainer

Galera Trainer

O resultado! 55'10"!
O resultado! 55’10”!

 

Anúncios

2 pensamentos sobre “A excelente prova realizada em Pinhais/PR

  1. Maneiro Carla Parabéns.
    Para uma “amadora” rsrs foi muito bem. Uma coisa que eu percebi, aquela rua sem asfalto esta sendor preparada para asfaltar, então em 2014 será 100% asfalto.
    Sucesso no projeto o Barato da Corrida. Conta com a gente.

    • Luizz, quando liguei para a Prefeitura de Pinhais para obter informações, o que disseram é que tentariam asfaltar ainda para essa prova, mas que talvez não desse tempo. E não deu. Mas ano que vem a gente volta e quebra recordes de novo, não tem problema!!! 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s