O barato da corrida (ou em busca da corrida barata)

Vamos lá, mais uma vez, enfrentar o assunto polêmico…

PIPOCASou contra, sim, à “pipoca” em corrida.

E o argumento que mais ouço de quem é a favor é de que o preço é abusivo. Então não corra as provas caras, oras!

Eu não frequento restaurante que acho muito caro, e se a comida valer muito a pena, eu economizo e vou, de vez em quando.

Eu não compro nada que não tenho dinheiro pra pagar, não ando de ônibus pela porta de trás, então por que eu me daria o direito de utilizar de uma estrutura pela qual não paguei?

Daí fulano diz que a prova da Adidas é cara… se pensar bem, nem  é não… vai comprar uma boa camiseta para correr para ver quanto custa…  Ah, mas daí me responde que dispensa a camiseta… Nas provas mais baratas não tem kit. Por que, então, o mesmo fulano não corre nessas?

E não venham me dizer que pipoca não atrapalha. Atrapalha sim e eu vou dizer por quê:

1. Não tem como precisar o número de pipocas que aparecerão. Como saber se o local escolhido comporta tanta gente? Terá estacionamento próximo? E o staff, conseguirá manter tudo em ordem? Depois reclamam de má organização da prova, mas as empresas não têm bola de cristal…

2. Mentira de quem diz que “pipoca” não bebe água. Bebe sim. E das duas, uma. Ou faltará água, ou a organização comprou mais água do que seria suficiente para quem está inscrito, já considerando o número maior de pessoas. Neste caso, qual o resultado? Aumento de preço da inscrição pra quem pagou. Ah, só pra constar, já vi, de verdade, em prova, faltar medalha. E “pipoca” sair se achando o esperto por que conseguiu uma. Daí vai me dizer que é um ou outro que aceita a água? Ah, tá! Faz de conta que alguém acredita.

3. Desculpa se parece preconceito, mas pela minha mera observação, a maioria dos “pipocas” não tem comprometimento com o esporte. E, pelo que vejo, nunca são os que treinam sério. Logo, sim, eles estarão lá prejudicando aqueles que se preparam para a prova e querem bater suas metas. Serão muitas vezes aqueles que a gente tem que pedir licença para passar por que estão correndo (ou até andando) em linha, batendo papo… Quem treina sério, quer seu tempo registrado oficialmente, até por que há provas que exigem índice para inscrição.

4. E quando o pipoca até corre pra valer, atrapalha também na hora da chegada, quando precisa ficar um monte de staff gritando para que saiam pelas laterais. No mínimo tira a concentração e confunde muitos dos inscritos…

 

Então, se você era (por que espero, do fundo do coração, que pare para pensar e veja que não é legal) da turma da pipoca, eu faço uma promessa e um desafio para você:

Lancei outro dia a idéia no Instagram e no facebook: Em 2014 vamos dizer não à pipoca e prestigiar as provas mais baratas ou gratuitas? Eu prometo divulgá-las por aqui sempre e também participar mais delas… Vamos comigo?

Ainda, quem souber de provas acessíveis em qualquer lugar do Brasil (ou lá fora, por que não?) e quiser ver divulgadas por aqui, pelo facebook ou pelo Instagram do Corre, Mulher! é só me avisar, por e-mail, mensagem, comentário e até por sinal de fumaça… chegando, eu divulgo… Topa?Pelo Instagram, basta marcar #corremulher e #obaratodacorrida

Já no dia 15/12/2013, ainda este ano,  participarei da prova de 10K em Pinhais/PR, cuja inscrição exige apenas a doação de uma lata de leite e tem percurso predominantemente plano. Bora correr?

Anúncios

15 pensamentos sobre “O barato da corrida (ou em busca da corrida barata)

  1. Oi, adorei esse post! Tb concordo com suas colocações! E vou contribuir divulgando as provas que eu lembro agora:
    A Night Run Cinturão Verde – CIANORTE-PR será realizada no sábado, dia 14 de dezembro de 2013.
    Inscrição: 2 kg de alimento

    http://desempenhofisico.com.br/corrida/regulamento.php

    Em Maringá – PR tem também para 2014 a maratona de revezamento Vanderlei Cordeiro de Lima – pare de fumar correndo
    A inscrição foram 2 cestas básicas por grupo

    Um abraço
    Vanessa
    http://www.nossodiariodetreino.wordpress.com

  2. Este ano fiz muita prova e gastei um bom dinheiro.
    Não sou radicalmente contrário aos pipocas, mas, evidentemente, que tem gente que abusa.
    Este ano fiz a T&F na pipoca, de pacer de um amigo.
    Ano que vem prestigiarei as provas baratas, pq não rola mais ficar pagando 80/90 reais em prova de 10k…

    • Olá, Fernando! Eu acabo sempre participando de mais provas do que deveria, por que decido fazer as mais baratas e nas caras sempre tem alguém que vem dizer “vamos, vai todo mundo…” e eu acabo também gastando… Mas vamos divulgar e levar “todo mundo” pras provas mais em conta? Obrigada por dar sua opinião e fico aguardando as indicações de provas, pode ser?? 😉

  3. Olá…. Em SP temos várias corridas baratas ou de graça, exemplos: Circuito Popular de Corridas de Rua, super organizado e totalmente gratuito (Esse ano ainda está aguardando licitação). Temos também o http://www.circuitocidadespaulistas.com.br, já com inscrições abertas, Circuito Popular do Grande ABC (2º Semestre), Corrida Droga Mata (12/05/2014) , entre outras. Evito fazer corrida cara e com essas acabo correndo o ano todo. Abraços e parabéns pelo Post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s