Natal com papai Noel em forma – parte 3

Oiiiii!!!

Eu sumi quase duas semanas! Afeeee! Gente eu juro que queria ter escrito antes, mas nossa  faz mais de um mês que estou viajando todos os fins de semana, e chego mega cansada em Faxinal, e no meio de semana estou sempre quebrada tentando mesmo dar conta da alimentação, da atividade física, da casa… Não tenho nem coragem de chegar perto do computador… rs…

Mas continuo firme com o projeto ” Natal com papai Noel em forma”. Mesmo no último mês tendo meu aniversário de namoro, meu aniversário de casamento, casamento da minha prima e aniversário da minha afilhada eu não sucumbi! Não jaquei nenhum dia. Tive um ou outro off aqui e ali (dois docinhos no casamento, eventual pão de queijo e pipoquinha).

Acreditem se quiserem eu levei marmita no aniversário da minha afilhada e tudo bem!

O aniversário foi muito legal e eu não precisei me encher de docinho e salgadinho para me divertir, e fiquei bem tranquila comigo mesma!

Eu virei marmiteira mesmo! E não tenho vergonha nenhuma de levar marmita! O que eu acho ruim mesmo é por meu esforço a perder.

Marmitinhas que levei para Curitiba esse último fim de semana: arroz integral com quinoa, hamburguer assado de proteína de soja e grão de bico, legumes coloridos e uma com um feijãozinho para varias. rs

Minhas barras proteicas caseiras e minhas caseínas e whey com glutamina já separado em porcõezinhas para a viagem. A organização facilita e muito a vida da gente.

Se alguém achar ruim, achar esquisito, achar exagero, obsessão, é o trabalho de achar e desachar. Olha para as minhas rugas de preocupação!!!

Minhas rugas de preocupação!

Eu não estou sofrendo, estou muito feliz, obrigada, não é nenhum sacríficio! Eu tenho é prazer em fazer isso, então se não é problema para mim não deveria ser problema para os outros.

Gente isso é uma coisa séria, vocês já perceberam como para as pessoas é perfeitamente possível compreender alguém que se entope de cerveja e mc donalds , mas a pessoa simplesmente não consegue calar a boca e deixar de criticar quando você carrega uma marmita de arroz integral com quinoa, legumes e grão de bico? Fala sério! Algo de errado, está muito errado com esse mundo!

Pois é…

Então gente, abstrai! Desiste de se preocupar com o que os outros acham,  pensa com a própria cabeça e faz o que é certo para você. De qualquer forma sempre vai ter alguém para criticar seu estilo de vida seja qual ele for, então relaxa e esquece.

É muito , muito importante se você quer atingir um objetivo focar naquilo que você deseja e não no que os outros falam. Cada um que cuide da sua vida, não é mesmo?

” Nunca deixe alguém te dizer que você não pode fazer algo…Você tem seu sonho, você tem que protegê-lo. Quando as pessoas não conseguem fazer algo elas mesmas, elas vão dizer que você não pode fazer. Se você quer algo, vá atrás disso. Ponto final”

O importante mesmo é você seguir as recomedações do seu nutricionista e seu preparador físico, a opnião dos outros não importa absolutamente nada na busca do corpo dos sonhos!

Antes que você comece a achar que tanta dedicação em busca da forma física é apenas vaidade, é importante ressaltar que o esporte ( no meu caso a corrida e o fisiculturismo) e a boa alimentação trazem benefícios que vão muito além do que as pessoas enxergam.

Quem está fora vê seu corpo mudando, mas não vê o que muda por dentro. O fisiculturismo e a corrida me ensinaram a ser paciente (eu sempre quis resultados rápidos, e isso não existe!!! Sinto muito se você ainda não sabia), a ter disciplina, a me organizar ( ok, eu  nunca fui muito desorganizada, mas a gente fica melhor), a ter persistência, a lutar por um sonho, a curtir o processo, e não apenas esperar pelo resultado e até mesmo a ser uma pessoa melhor.

Os benefícios desse estilo de vida vão bem além do estético! A mente muda! Sem contar a saúde, a energia, e a disposição que obviamente melhoram muito!

Então gente, não tenham medo de mudança. As mudanças são boas, e podem transformar a vida da gente. Até porque você não pode esperar mudar sua vida se continuar fazendo sempre as mesmas coisas. SE JOGUE!

Afinal, você tem medo do que?

Eu acredito em mudanças permanentes, e eu acredito que pequenas mudanças podem mudar sua vida. Porque uma coisa puxa a outra.

Pequenas mudanças diárias são a chave para conseguir resultados duradouros

Vejam meu caso: eu comecei a me exercitar três vezes por semana, depois de três anos de sedentarismo. Passado um tempo comecei a correr, e depois de um tempo correndo achei que seria necessário mexer na alimentação para melhorar a corrida.
Voltei a me consultar com minha linda nutri e dessa vez comecei a realmente seguir a dieta. Parei de me entupir de açúcar e abandonei o mais impossível dos vícios : a COCA ZERO  (obrigada Senhor, OITO MESES SEM REFRIGERANTE – É um milagre! Rs).
Depois de machucar o joelho correndo investi na musculação e simplesmente pirei, me apaixonei cmpletamente por musculação e pelo mundo do fisiculturismo, estou sempre pesquisando e aprendendo. Comecei a tomar suplementos (que como vocês sabem eu amo) e a mais recente novidade (desde o super setembro sem pé na Jaca) são as marmitas.

Percebam que essa não foi uma mudança que aconteceu da noite para o dia, foi um processo, estou sempre tentando melhorar alguma coisinha, e já são 1 ano e 5 meses desde que eu comecei com a primeira mudança que foi pura e simplesmente me exercitar por 1 hora 3 vezes por semana (hoje eu me exercito muito, muito mais do que isso).

Uma pequena mudança pode ser o começo para uma grande mudança. Então comece de algum lugar, com alguma coisa, com qualquer coisa, com o que você puder.

Imagine daqui a um ano, o que você gostaria de ter feito hoje?

E gente, hoje é um dia muito especial para começar! Hoje é o dia do fisiculturista!

Parabéns a todos esses guerreiros, pois eu sei quanta disciplina, vontade e organização é necessária!

O mais demais, super demais, foi que minha nutri me deu parabéns hoje  pelo dia do fisiculturista no face! Eu, óbvio, fiquei me achando.

E devo dizer que eu me considero sim uma fisiculturista amadora (e também uma corredora amadora). O fisiculturismo é um esporte maravilhoso que eu amo e ao qual dedico meu tempo! Eu não vou para a academia “malhar” e bater-papo, eu TREINO de verdade!

Todos nós temos um fisiculturista dentro de nós querendo se libertar, rs. Não importa o seu tamanho, e sim a sua dedicação!

O mais engraçado é que ontem eu viajei a manhã inteira e cheguei podre na hora do almoço em Faxinal. Gente tava 38 graus (e óbvio não tem ar condicionado na única academia de Faxinal), e eu fui me arrastando para academia. Eu vou dizer a verdade mesmo que o que eu queria era dormir, rs. Mas eu fui me arrastando para a academia pensando ” Agora eu sou uma fisicuturista amadora, vou para academia! Não posso catabolizar”! E fui!  Rs .. E fiquei muito orgulhosa!

Isso é maravilhoso gente! É tão recompensante! Faça algo que te desafia, que te orgulhe! Não tenha medo!!!

E meninas. Cotinuem no projeto! Olha o biquini no verão e aquele vestido justinho que você quer usar no Natal!

Papai Noel está a toda, e certamente vai chegar saradão no Natal! E vc?

Papai Noel fisculturista! Ralando!

E fica a inspiração super fisiculturista em homenagem ao dia de hoje  – Jamie Eason:

Jamie Eason

Anúncios

5 pensamentos sobre “Natal com papai Noel em forma – parte 3

  1. Fer…concordo plenamente com vc. E admiro a sua força de vontade, principalmente no que diz respeito à alimentação. Esse quesito pra mim é muito complicado, seria bem mais simples de eu melhorar,se eu morasse na minha própria casa e fosse eu que cozinhasse, mas morar na casa dos pais é punk. Ontem mesmo minha mãe me quebrou as pernas com um bife a milanesa (OMG), como estou utilizando o método de contagem de calorias, comi um pedacinho e compensei com o resto. É fogo isso, você se empenha um monte, e chega em casa é derrubada pelas canelas pelos próprios pais, hehehe. Certeza que quando eu tiver a minha casa vou me alimentar mega mais saudável (meu por que o meu namorado é personal e tb adora essas coisas mais saudáveis – Thank you,god!). Outra coisa que eu sinto falta é de suplementação…não posso tomar whey por causa do meu rim, e qualquer outra suplementação também tenho que tomar cuidado… acabo usando só um termogênico pra dar um gás.
    Bom flor, é isso… Beijoooooosss

    • Ká, nem fale. Na casa da minha mãe o negócio complica tb. Eu que só vou para lá em alguns fins de semana sofro para ficar nos eixos, foram muitas jacas de fim de semana na mami até eu começar a adotar as marmitas, mas mesmo assim é difícil resistir. Se você fica diariamante então esposto a milhares de delícias o negócio é feio! sem contar que a gente chega em casa podre e já ter a comidinha da mami preparada é irresistível!
      Ká o negócio da suplementação eu acho muito pessoal. O que funciona para um pode não funcionar para outro, o que é bom para um pode fazer mal para outro. Acho que quem suplementa precisa de acompanhamento nutricional! Para mim a suplementação é muito importante porque eu sou vegetariana, ajuda muito a garantir a quantidade de proteína diária. Para quem come carne acho mais fácil ficar sem suplementação porque tem muito mais proteína disponível.
      No meu caso também já não rola termogenico, Nada que acelere funciona para mim. Acredite, nem café! Nunca tomo café puro porque fico até tremendo.Pó de guaraná nem pensar. Nunca pude tomar um simples energético me faz muito mal. Então acho que para mim termogenico não vale a pena. Mas já ouvi falar de muitas pessoas que tiveram grandes melhoras com pré treinos e termogenicos. Eu nem tento pois sei que é 90% de chances de eu não dar conta e jogar dinheiro fora.
      Cada um é diferente! É por isso que eu sempre digo que não vale a pena seguir a dieta da vizinha ou da revista.
      Algumas pessoas funcionam bem com dietas estritamente proteícas, já eu preciso do meu carbo (complexo óbvio) senão não funciono, algumas pessoas precisam de uma liberdade maior para escolher os alimentos e optam por contar calorias (eu tenho um trauma de contagem de calorias amiga, prefiro a morte, mas sou eu né?rs) . Eu preciso de volume na minha comida! Prefiro abrir mão de certos alimentos para poder comer mais! Sou gulosa mesmo, gosto de um prato de pedreiro e não fico feliz se não me sentir bem alimentada!
      Não tem um único caminho! Cada um deve adaptar a dieta que melhor servir seu estilo de vida, sempre buscando a saúde claro!
      Beijocas

      • Dica de quem já passou por isso, Ka: Além de ter um ou outro “petisco” light em casa… (acho que mãe nenhuma se recusará a ter frutinhas na geladeira) O jeito é tentar convencê-los aos pouquinhos a serem tb adeptos de uma alimentação mais saudável… Só de leve, propor por exemplo experimentar um arroz ou um macarrão integral… Vai que gostam? 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s