Cortar o álcool? Ou os pulsos? Não necessariamente.

Outro dia, em um post da Fernanda, alguém perguntou como seguir uma dieta e conciliar com bebidas alcoólicas.

Sabemos que é mesmo difícil resistir àquela cervejinha e/ou drinks das saidinhas com as amigas ou o vinho com aquele gato incrível (no meu caso, estou falando do meu Maridão incrível, pra deixar claro!)

Então, resolvi contar a minha experiência: Já ouviram falar que mulheres casadas bebem mais? Não só bebem, como comem… Já fizeram pesquisas a respeito, parece, mas no meu caso é verdade. Logo depois que casada, além de tudo ser motivo para comemoração – a primeira vez sozinhos em casa, a primeira visita do primo, a primeira compra de supermercados para a casa nova, a primeira vez de tudo – ainda passamos a dividir tudo em dois… um pacote de macarrão? Metade pra cada um! Uma garrafa de vinho? Metade pra cada um… Resultado? 10 quilos em 10 meses…

Horrível? Pesadelo? Sim, e dos grandes (bota grande nisso! Com duplo sentido e tudo!).

Assim, antes de completar um ano de casada eu estava com problemas de auto-estima e começava a ter sinais de transtornos alimentares – quanto mais eu achava que devia me cuidar, mais compulsão eu tinha e mais ânsia de vômito me dava após devorar alguma guloseima…

Não vi outra saída a não ser buscar ajuda médica.

Procurei um nutrólogo, o qual acompanha minha dieta até hoje, o qual, como já disse por aqui antes, foi claro: Para emagrecer e manter-se magra, só com reeducação alimentar e exercícios físicos. No entanto, face a ansiedade, optamos por um tratamento de choque: sibutramina.

Não farei, de modo algum, apologia ao uso deste ou de qualquer outro medicamento, mas, seguindo as orientações médicas e com o EXCELENTE acompanhamento do nutrólogo, que disponibilizou celular e e-mail para qualquer dúvida e/ou noticiar qualquer efeito indesejado, não tive problemas.

No entanto, ao ser receitado o medicamento, minha primeira pergunta foi: – E o álcool? – Terminantemente proibido. Explicou-me que o medicamento pontencializa os efeitos do álcool e, além disso, eu deveria, também, pensar nas calorias em cada copo.

Como eu estava realmente desesperada para emagrecer, a minha escolha não foi difícil! Cortei do dia para a noite o álcool de meu cardápio. E não foi difícil. Minha determinação era maior. Diminuí, é verdade, as saídas, mas quando saía, tanto eu como meu marido bebíamos apenas água com gás, gelo e limão, felizes da vida por estarmos fazendo algo para melhorar nosso corpo e nossa saúde.

Passado algum tempo, é verdade, voltamos a beber socialmente. Sem o remédio, não é de todo o mal uma cervejinha com os amigos de vez em quando. Contanto que seja realmente “uma cervejinha” e “de vez em quando”. O segredo para a MANUTENÇÃO do peso é a sabermos moderar as quantidades – sem exageros, nem demais, nem de menos.

Ah, e na Runner’s – revista que adooooro! – até já saiu reportagem dizendo que uma cervejinha não interfere no desempenho na corrida!

Assim, quando me perguntam da minha dieta, hoje, costumo responder que não existe dieta. O que fiz foi uma reeducação alimentar. Como o que eu quiser. Mas com moderação. Alimento-me de três em três horas, socorrendo-me de barrinhas de cereais se for preciso, face a correria do dia a dia, mas não pulo refeições. E, em casa, incluí, não retirei, ingredientes para melhorar a qualidade das minhas refeições: O próprio whey, a quinua (ou quinoa), farinha de linhaça, entre outros.

Então, meninas, depois de toda essa história, a conclusão que quero deixar é a seguinte: Tenham determinação. Eventuais esforços valem a pena para atingirem seus objetivos. Mas não percam o foco. O importante é aprender a se alimentar bem, para então poder comer tudo.

Anúncios

Tortinha saudável proteica

Gente, essa receitinha é muito fácil e fica uma delícia

Bem melhor que aquelas tortas de liquidificador que vai um copo de óleo na massa né? E beeem gostosa!

Massinha:

3claras e um ovo

3 colheres de sopa de cotage (ou ricota ou um queijo bem magrinho)

1 colher de sopa de farinha de linhaça

1 colher de sopa de flocos de amaranto (ou quinoa ou aveia)

1 colher de sopa de farinha de quinoa (ou aveia).

1/2 pode de iorgurte desnatado sem açúcar.

1 colher de chá bem cheia de fermento.

tempero e sal a gosto

Bate tudo no liquidificador , unta uma forma pequena e coloca essa massinha que vai ficar bem líquida.

Para o recheio você pode usar a criatividade. Eu gosto de refogar picado bem pequenininho meio dente de alho, uma colher de cebola, uma colher de pimentão, 2 aspargos e 3 cogumelos frescos daí coloco na massinha depois de por na forma, por que a massa é bem líquida….

Já fiz com carne de soja e  também de brócolis, ficam todas boas… Vc pode aproveitar a sobrinha dos legumes do almoço.

Assar em forno 180 a 200 graus mais ou menos meia hora. Vai dando uma olhada,ela cresce e fica dourada.

Se ela murchar quando sair do forno não se preocupe, fica bom igual!

Sirva com salada ! Fica ótimo!

Rende duas porções.

O que eu faço as vezes também é substituir a farinha e o flocos (de quinoa, aveia ou amaranto) por umas três arvorezinhas pequenas de couve flor cozida no vapor, que dá uma consistencia na massa e fica bem gostosa! Mas mantenho a farinha  linhaça dourada. Dá pra brincar bastante com essa receita!

Beijocas, espero que tenham gostado!

Irritei os Deuses da Dieta!

Oi meninas,

Nossa me confundi no outro post, o projeto ” SUPER SETEMBRO SEM PÉ NA JACA ” começa no sábado e não na sexta, pois sexta ainda é agosto…. Só esqueci que tinha 31 dias….

Quanto ao restinho de agosto, eu tenho me comportado! Segunda e terça eu malhei e corri pra valer! Como meu tornozelo já estava chuchu, segunda e terça mandei ver na corrida e fiz altos treinos de tiros intercalados com trote! Principalmente porque queria me preparar um pouquinho para  a corrida da Adidas que é nesse domingo! Eeeeeee!!!!

Circuito das estações Adidas – Primavera ! Eeeeeee! Falta só a de verão pra eu completar as 4!

A corrida da Adidas é a melhor! Amooooo! Super divertida, clima bem jóia! E ganha toalhinhas de ginástica que eu amooooooo!!!! Então estou super empolgada e ansiosa! Também porque muitas amigas minhas vão nessa corrida. Vai ser demais!

Essa semana estava com peso na consciência do  estrago do fim de semana, então além das minhas corridas, super caprichei na musculação! SUUUUUUPER!!! Quer saber? A verdade é que eu exagerei mesmo e como já não tinha me alimentado direito no fim de semana acho que a imunidade abalou!!! Fui dormir com dor de garganta terça e acordei com uma faringite daquelas ontem…. Maravilha né?

São os Deuses da dieta se vingando do meu pé na jaca do fim de semana!!! Só pode!

Deus da dieta irado com pé na jaca!

Ontem fiquei de molho total, mas controlei a alimentação,hoje quero ver se pelo menos dou uma “enganada” na academia!

Não quero exagerar pra não perder a corrida, como aconteceu na última por causa do meu tornozelo.

Enfim, eu vou correr super destreinada no domingo, o que é uma nhaca!!!! Mas tudo bem vai valer a pena pela festa e o encontro com as amigas!

Fiquei super feliz que vocês gostaram das receitinhas,  vou ver se coloco mais, e vou testar outras para postar aqui também!

Quem for na corrida da Adidas avisa aqui, que estamos combinando de tomar um café da manhã (saudável, pelo menos pra mim que tenho que honrar meu compromisso) em algum lugar!

Gente, força na peruca! Muito treino, fartleks, tiros, regenarativos,longões, musculação e alimentação saudável! Não vão me deixar sozinha no SETEMBRO LINDO! Nada de bolacha trakinas nem coxinha heim?

Só pra constar, coxinha os Deuses da dieta não perdoam!!!!!É a heresia das dietas!

Coxinha do mal! Não irrite os Deuses da dieta, ou a ira será maligna!

Vamos meninas! Beijocas

Eu e meus amados wheys!

Oi meninas,

Eu sou vegetariana, na verdade ovolactovegetariana (como leite e derivados e ovos e derivados).

Quando comecei a correr vi que ia precisar ganhar um pouquinho de massa magra pra não me estourar toda!

De tanto ouvir falar de whey, que era uma maravilha pra ganhar massa magra, resolvi tentar!

Pedi autorização da minha linda nutri e ela deixou!

Eu nunca tinha tomado, mas foi amor ao primeiro gole!

Eu e meus amados! Não vivo sem!

Total amei! Eu ia pra musculação ou pra corrida, voltava tomava meu whey e podia quase ver meus músculos crescendo! Ai delícia!
Me sentia a própria Solange Frazão!

O whey virou um vício na minha vida! Eu juro, que as vezes estou podreca e vou malhar só pra tomar whey na volta!

Óbvio que estou seguindo uma dieta saudável, bem linda, e não tomando whey e comendo bacon (até porque eu sou vegetariana). Mas achei sim que o whey me ajudou, junto com a dieta saudável, a ganhar massinha magra! A verdade é que ele é delicioso e muito prático! E funciona!

Mas lembrem-se, funciona acompanhado de exercício e alimentação saudável! O Whey ajuda mas não faz milagre!!!

Também tem o fator psicológico.Você toma o whey e fica se achando uma atleta, é como se você fizesse parte de um novo grupo saudável!

E tem , lógico, o fator fiinanceiro! Como não é muito barato a gente se esforça pra manter na linha na alimentação!

Explicando de maneira amadora, o whey protein é a proteína do soro do leite e são de três tipos
Concentrado – o mais bruto de todos, contém gordura e carboidrato
Isolado – não contém gordura nem lactose, maior teor de proteína.
Hidrolisado – proveniente de um processo que quebra da proteína proporcionando uma absorçao mais rápida pelo organismo.

Atenção! Se quiser tomar whey procure um nutricionista, não vá sair tomando qualquer um feito louca para não obter resultados insatisfatórios!!!

Eu já tomei dos três.

Como o concentrado é o mais baratinho eu uso ele pra fazer receitas! Mas cuidado, tem vários tipos, se você não quiser engordar compre um com pouco carboidrato e gordura.

O isolado que eu tinha em casa (sim já acabou , que triste) era esse:

Whey Isolado

Esse whey eu experimentei de cookies and cream e baunilha, ambos ótimos.

Recentemente minha nutri indicou que eu passasse a utilizar o hidrolisado. Eu comprei esses:

Ai delícia, meu predileto! Protowhey de chocolate duplo!

Whey hidrolisada de baunilha VP2, gostosinho, mas nada de mais

O VP2 de baunilha eu achei ok em relação ao sabor, em relação ao efeito dos hidrolisados no meu corpo ainda não dá pra dizer pois estou tomando os hidrolisados há menos de duas semanas!

Agora em relação a sabor o Proto whey de chocolate (double chocolate) é disparado campeão! Meu Deus do céu! Que delícia! Parece um milk shake de chicabom! Eu poderia viver disso! Até comprei um copo de milk shake para tomá-lo.

Que lindo meu “milk shake” do bem! E suuuuper gostoso!

Amo os wheys, tomo todos os dias e insiro nas receitinhas doces! Pra mim valeu muito a pena tomá-los, ajuda a não ficar mole quando emagrece! Porque emagrecer e ficar mole ninguém merece!

E não se preocupem! Escolhendo o certo para você,com ajuda de um nutricionista, não engorda, ao contrário ajuda ficar com um corpo legal e mais definido!

Lembro que quando era adolescente minha irmã perguntava: ” você prefere ser gorda dura ou magra mole”?

“Que dilema!”  – eu pensava… : (

Fala sério! Não prefiro ser nenhum dos dois! Prefiro é ser saradona!!! rs

Então alimentação saudável, corrida, musculação, whey e muiiita água!  É nisso que eu estou apostando! Tem que dar certo! Nada de gorda dura nem magra mole!

Meu maior amado, proto whey de chocolate! Não vivo sem você!

O proto whey de chocolate é meu maior amado! Não gosto nem de pensar que ele vai acabar! Dá até uma depressão!

Esse whey é perfect! Quer dizer, quase perfect porque nem tudo é perfeito! Tem uma pequena questãozinha financeira: é caro pra chuchu! Mas vale cada centavo!

De qualquer forma esses dias eu tive uma brilhante idéia, resolvi tentar importar de um site de suplementos americano, é menos que a metade do preço com o frete!

O site é esse  http://www.bodybuilding.com/

Dizem no site que enviam pro Brasil.

Pesquisei pra ver o que diziam na internet, o pessoal falou que as vezes chega rápido e as vezes demora até 3 meses se ficar parado na anvisa.

Eu resolvi arriscar porque custava 60 reais (mais trinta e poucos do frete). Comprei um só pra não ter muito preju caso não desse certo!

Se eu receber ( e sabe Deus quando…) eu aviso pra vocês!

Esse site é muiiito legal, tem vários wheys, barrinhas proteícas de tudo que é sabor, infinitos tipos de suplementos e um monte de tipo de óleos  super saudáveis e delícia da Barlean’s, e tudo por bem menos de metade do preço no Brasil.

Pra quem vai para os Estados Unidos vale a pena comprar e mandar pro Hotel  que for ficar (porque daí pra lá mesmo o frete sai baratinho e não tem imposto pra compras acima de 50 dólares), e trazer na mala pro Brasil.

Eu a próxima vez que for vou trazer uma mala cheiiiiinha!!!!

E você? Usa Whey na sua dieta? Qual acha o melhor em sabor? Está achando que vale a pena? Beijocas

Cuidados com a aparência… do blog!

Que bom que as coisas estão bombando por aqui! A Fer e suas receitinhas saudáveis são um sucesso!
Enquanto isso, estou em débito.

Esta semana está bem corrida no escritório. Além de blogueira e corredora amadora, também sou advogada e nem sempre dá tempo de postar ou cuidar do blog como eu gostaria…

A gente se esforça tanto pra estar bonita, magra, com a pele linda, make da moda… não dá pra deixar que o blog, nossa “cara” na net, esteja de qualquer jeito!

Então, venho humildemente pedir paciência.

Aos poucos a página vai pegando jeito, entre uma receitinha e outra, entre uma corrida ou uma treino de musculação, a página vai ganhando contornos mais definitivos… O título voltou, por hora, ao que era, mas estamos em processo de definição da gravura que vai nos identificar visualmente… Então, meninas, não se assustem se a cada vez que entrarem aqui, a página estiver um pouquinho diferente!

Ah, e estamos abertas a opiniões, críticas e sugestões! Sejam todas bem vindas!

Pé na jaca de fim de semana!

Meninas,

Como vocês devem saber a corrida, apesar de trazer inúmeros benefícios à saúde e ajudar na manutenção da boa forma, não faz milagre!

Sim, não adianta apenas correr, é preciso manter uma dieta saudável, até porque se alimentando melhor você também vai correr melhor.

Eu não tenho a menor dificuldade em seguir uma dieta saudável em minha casa. Simplesmente não ponho gororoba pra dentro de casa, e daí não como porque não tem!

Não sigo dieta rígida, mas saudável e sou absolutamente contra contagem de calorias! Prefiro cortar os pulsos do que contar calorias! Isso deixa a pessoa louca!

Tenho uma nutricionista e vou em consultas uma vez por mês com ela. Ela é maravilhosa! Mudou minha vida e me ensinou a comer saudável ao invés de fazer dieta. Na verdade nem gosto muito dessa palavra, prefiro “estilo de vida”! Mas vamos nos referir aqui como “dieta saudável”.

Em casa é muito fácil pra mim me alimentar de maneira saudável. Como muitos legumes, salada, frutas, proteínas do bem, carboidratos complexos, whey protein (amoooooo!!! Ainda faço um post sobre o meu amor pelos wheys) receitinhas delícias como as que postei logo abaixo!

Minha geladeira é sempre assim

E meu armário de mantimentos:

O meu grande problema são os finais de semana em Curitiba! Eles ACABAM com a minha dieta saudável!

Pior que eu sempre planejo antes de sair daqui: ” Vou levar meu whey, vou almoçar no DNA natural, vou tomar muita água e NÃO VOU JACAR!”

Mas não tem jeito, acabo não resistindo aos convites dos meus pais pra comer besteirada e pedir pizza, e menos ainda aos bolinhos e pães de queijo na sogra!

É impressionate, eu completamente perco o foco! É como se eu estivesse possuída por uma alma glutona que vive em Curitiba!

E como vocês sabem:

30% é academia, 70% é dieta! O abdomen é feito na cozinha e não na academia!

Esse final de semana não foi exceção. Tive a formatura da minha linda cunhada Marcela e fiquei em Curitiba sexta, sábado e domingo e jaquei total!

Eu e minha linda cunhada Marcela

Foram muitos docinhos de formatura, massa, batata frita, chocolate! Enfim uma suuuuuuper jaca bem redonda!!

E isso é o que eu não consigo entender, porque eu faço essas gordices e sempre acho que é melhor comer minha comidinha saudável, pois me sinto melhor! Sem contar que as gordices  do fim de semana me deixam mega cansada e sem energia!

Aí eu volto pra Faxinal super podre de tanta comilança, e segunda é difícil voltar aos eixos, mas eu sempre volto porque não tem gororoba em casa! Mas até a barriguinha voltar ao que era antes da “jaca” do fim de semana vai quase a semana inteira de muita malhação, corrida, e alimentação saudável!

Conclusão: “NÃO VALE A PENA JACAR”!!!

Com base nisso eu tomei uma decisão hoje! Vou ficar o mês de setembro inteiro sem “jacar” !

É isso mesmo! Dia 1 de setembro começo uma nova série de posts nesse blog , a série SUPER SETEMBRO SEM PÉ NA JACA!!!

E não, eu não pretendo enfiar o pé na jaca o resto do mês de agosto, até porque ainda estou me recuperando da comilança do fim de semana prolongado!

Então meninas! Alguém se habilita a me acompanhar? Um mês interirinho sem uma única esculhambação! Claro que pode comer um chocolatinho amargo pequeno aqui e acolá, um pedacinho de sobremesa pequeno vez ou outra. Mas não vale entregar pra Deus e esquecer da boa alimentação! Quem topa?

Pra mim não vai ser fácil, vou pra Curitiba 3 vezes em setembro e uma delas vai ser no aniversário do meu pai! Mas vou ser forte! Vocês poderão acompanhar minha saga aqui no blog!

Quem topar que me acompanhe!

Até você Carlinha, pode inclusive fazer a sua própria série no blog de setembro sem jacar! O que acha?

Pensamento positivo heim meninas!!! Beijos e começamos na sexta a série SUPER SETEMBRO SEM PÉ NA JACA!!!

Fique calmo e ignore junk food

Receitinhas de docinhos saudáveis de corredoras

Olá corredoras,

Nossa super corrido final de semana!

Formatura da cunhadinha em Curitiba, nem deu tempo de eu passar a receita do cajuzinho proteico que estava devendo!

Mas vou pagar com juros já que hoje fiz uma outra receita MARAVILHOSA!!!!

Então serão duas receitas de docinhos meninas!

Docinhos do bem!!! Isso só pra vocês verem como é possível seguir uma dieta saudável e ainda comer docinhos deliciosos e proteicos que ajudarão muito na corrida! Eeeeeeeee!!!!

La vai:

CAJUZINHO PROTEICO DE WHEY

1/4  de xícara de manteiga de amendoim (eu uso a sem açúcar)

1/4 de xícara de mel

3 colheres de sopa de farinha de linhaça

20 gramas  de chocolate amargo ralado

1 copinho medidor de whey protein sabor baunilha, chocolate ou cookies and cream (aquele que vem dentro do pote de whey protein)

Mistura tudo até pegar consistência de massinha e ficar bem homogêneo.

Fazer as bolinhas do tamanho de brigadeiros de aniversário.

Dá umas 15 bolinhas.

Essa receita é da Barbara Eckonen  do blog fitnistas, você encontra lá como  bolinha de amendoim! Esse blog é demais, tem várias receitinhas legais, e a Barbara é uma fofa!

Essa receita é muito fácil, saudável e deliciosa!
Mas atenção mantenha a porção diária de no máximo 4! Não vale comer todos de uma vez!

Cajuzinhos proteicos do bem! Nham, nham, nham! Delícia!!!

A manteiga de amendoim que eu uso nacional é a da Amendoim e Companhia! Ela é bem mais barata que as importadas, 100% natural e tem a versão sem açúcar.

Creme/manteiga de amendoim sem açúcar nacional, 100% natural.

Esse creme de amendoim é muiiito bom e sai mais ou menos R$ 7,00 o pote.

Se você tiver dificuldade em encontrar, na página do site da fábrica tem uma lista com os locais de venda.

O site é esse: http://www.amendoimecia.com.br/onde_comprar.php

Se você achar caro, ou não tiver locais próximos onde venda o produto, não desanime. Existe uma receita bem fácil de creme de amendoim saudável. Eu peguei no blog da Flávia Lobão (que é muiiiiiito legal) mas ainda não testei pois tenho creme de amendoim estocado aqui em casa. Mas assim que acabar vou testar!

Lá vai: http://confissoesdeumaquasesarada.blogspot.com.br/2012/03/cozinhando-com-flavia-lobao.html

Receita de creme de amendoim
” 250g de amendoim torrado sem pele e sem sal.
+ ou – 150 ml de água para dar liga
2 colheres de sopa de óleo de coco
adoçante a gosto
opicional: canela que, além de dar um toque final, ajuda a diminuir ainda mais o índice glicêmico e a absorção dos nutrientes da pasta, fazendo com que a receita seja ótima pedida para a ceia.
E como preparar?
 Muito simples: primeiro triture totalmente o amendoim ou, se preferir, deixe alguns pedaços maiores para criar a versão “crunchy” da pasta. Após triturar boa parte dos amendoins, comece a adicionar lentamente o óleo de coco, até que a mistura comece a se tornar uma pasta. Quanto mais óleo se adiciona, mais “líquida” se torna a receita. Assim, caso goste de uma pasta para ser comida com colher, adicione pouco óleo e, contrário senso, coloque mais óleo. Como eu não queria uma versão muito calórica, coloquei só as 2 colheres de óleo e fui dando a liga com a água. Vai demorar uns 5 minutinhos até pegar a consistência”  ( texto do site da Flávia, link acima)
A segunda receita de docinho que fiz hoje é uma receita adaptada de receitas de panquequinhas doce que achei na internet!
Meninas, pensem em uma coisa maravilhosa!!!!! É essa panquequinha! Ficou demais!
Não deixem de fazer. Excelente para antes ou depois do treino, ou café da manhã!
PANQUEQUINHA DOCE PROTEICA

1 banana bem madura amassada

2/3 do copinho (aquele que vem dentro do pode de whey) de whey protein de baunilha ou cookies and cream (mais ou menos 20 gramas)

3 claras

2 colheres de sopa de farinha de aveia ou quinoa

1 colher de sopa de farinha de linhaça

3 colheres de sopa de leite desnatado

1 colher de chá rasa de acúcar magro, ou um pouquinho de adoçante ( a gosto)

1 colher de chá de fermento

1 pitada de canela.

Mistura tudo até ficar homogeneo

Unte uma frigideira anti aderente com azeite e passe um guardanapo evitando o excesso de azeite e faça as mini panquequinhas, coloque com a ajuda de uma colher.

Cuidado que a panquequinha assa bem rápido, muito cuidado pra não queimar. Dourou de um lado já vira dourar do outro e pronto.

Serve duas porções meninas! Pode repartir ou guardar metade para comer mais tarde!

Sirva com geléia ou calda light ou mel, ou frutas.

panquequinhas delícia sendo feitas!!!

Panquequinhas prontas!

E atacaaaaar! Delícia! servi com uma calda de mirtilo (blueberry) sem açúcar que comprei no Festval em Curitiba! Bom demais! Maridão adorou!!!

Então, essas duas receitas são muito boas, e só provam como é perfeitamente possível comer um docinho em plena terça-feira sem “jacar” uma dieta saudável! Então nada de torta holandesa meninas!

Testem as receitas e me contem se ficou gostoso!

Muitos beijos e bom apetite!

Ordens médicas: Alongamento

Como já falei outras vezes, eu comecei correr a pouco tempo, gostei da “brincadeira” e resolvi fazer tudo o mais certo possível para não me machucar e continuar correndo por muito tempo…

Assim, na primeira vez que senti um pequeno incômodo no joelho direito, não tive dúvidas, marquei uma consulta com um médico ortopedista e especialista em medicina desportista para ver se está tudo em ordem e ver como melhorar…

Resultado? Sim, está tudo bem, apenas um leve encurtamento muscular causado por falta de alongamento… Este encurtamento ocasiona sobrecarga sobre os joelhos, o que pode vir a causar, futuramente, uma lesão.

Eu odeio alongamentos… Eu sou muito ansiosa e não sei ficar parada. Quando alongo, meus 15 segundos devem durar apenas uns 7, de tão rápido que conto… Na academia, já pedi para o professor me indicar apenas as posições mais eficientes para os músculos mais importantes, para que eu possa acabar mais rápido…

Mas agora, não tenho mais desculpa. Como poderei falar que não sabia? O médico indicou-me inclusive a inclusão de Pilates ou Yoga em minha rotina de treinamentos, mas esses acho que deixarei para mais tarde. Inicialmente, tentarei respeitar a rotina que “mato” nos meus treinos… Um pequeno alongamento antes, um bom alongamento estático depois do treino.

Aqui está uma reportagem da Runner’s Brasil a respeito do assunto.

Então, “bora” alongar, galera! Imagem

Fonte da gravura: Marli: http://marlipalugan.blogspot.com.br/2010/03/importancia-do-alongamento.html

 

Segundona – diário de uma corredora

Boa noite corredoras!

Hoje foi punk!

Não sei vocês, mas eu sempre acordo meio quebrada segunda-feira, por que não conseguimos dormir cedo no domingo aqui em casa. Difícil sair do ritmo do fim de semana no domingo.

Fui dormir mega tarde e acordei 6h00 para ir pra academia!

Estou firme e forte, pois minha consulta com a nutricionista é nessa sexta, e apesar de eu adorá-la e já não poder viver sem ela, eu tenho um pouco de medo!

Aiaiai! Muita disciplina sempre! Mas essa semana especialmente! Fico tão preocupada, e tudo que me oferecem de bobagem eu falo ” não posso, tenho a pesagem!” , meu marido fala que parece lutador de UFC na semana anterior da luta quando tem que emagrecer pra ficar no peso da categoria! Exagero dele!!!! rs

É assim que eu me sinto quando peso na balança da nutri e perco peso! hihihi

Vocês não sabem mas eu estou morando temporariamente em uma cidade bem pequena no interior do Paraná, vou ficar por aqui até dezembro, provavelmente.

Quão pequena? Pra você ter uma idéia tem UMA academia (até onde eu saiba, talvez tenha alguma outra bem escondida, mas nunca ouvi falar)! É pegar ou largar! E eu peguei, lógico.

A academia é bem ajeitadinha na verdade, mas não dá pra esperar equipamentos de última geração! Só que a academia só abre de manhã segunda, quarta e sexta e das 6h30 as 9hoo.  A tarde abre depois das 15h00 e fica aberta até as 22h00 de segunda a sexta. Coisas de interior.

Então, acordei podrérrima com preguiça até de respirar mas fui.

Como eu estava com muita muita preguiça coloquei essa camiseta pra incentivar:

texto na camiseta: esses pés foram feitos pra correr

Sim, eu vou desse jeito pra academia! Cara lavada e meio despenteada! Nada contra um pouquinho de maquiagem pra malhar, só não  é pra mim! Preciso sair da academia destroyed! Se eu não sair da academia suada e morrendo é como se não tivesse feito certo! Definitivamente não sou o tipo que vai pra academia pra sociabilizar!  Eu sei estou com uma cara horrível e amassada de quem não dormiu direito! Fazer o que?

Comi uma barrinha proteíca e um yakult (do verdinho, que tem mais lactobacilos) no caminho e fui….

Desde que eu machuquei o tornozelo ando mais animada com a musculação do que com a corrida, pois como ainda estou em período de recuperação acaba que meus treinos são sempre meio regenerativos!

Corri do jeito que me deu na telha (pra variar! Sou meio anarquista na corrida! Meu negócio é fartlek! rs)!

Como meu treino de musculação de hoje era mega pesado – PERNAS – inseri 30 minutos de trote divididos em três grupos (de 15, de 10 e de 5 minutos)  no meio das séries de musculação.   Foi meio pesado pois eu inventei de fazer um circuito de afundos (sim eu sempre tenho essas idéias sem noção!) no sábado e fiquei muito dolorida ontem, e um pouco hoje.

Voltei pra casa e mandei pra barriguinha um whey batido com morango leite de soja e banana (meu café da manhã)!

Amooooo meus wheys! Estou completamente viciada! Quando eu volto da academia então, tomo e sinto meus músculos crescendo! Maravilha! Mas esse assunto pode ficar pra outro post.

Como de noite eu ia dar mais uma corridinha com meu marido, no almoço fiz meu usual assadinho de legumes com batata doce pra ir construindo uma reserva boa de carboidratos, rs.

Claro que não comi só isso, mandei ver também um omeletinho de claras com carne de soja e salada de espinafre! Ando super obcecada com claras, batata doce e espinafre.

Visualizo essa comida do bem me transformando em uma  uma superatleta! Doida!

Mas não dizem que batata doce é comida de atleta? Oras, então porque eu não comeria! Não sou boba nem nada! Como mesmo, e é bem gostoso.

Segundona básica bateu aquela vontade absurda de doce! Mas eu lembrei da nutri, lembrei da minha proposta de perder gordura e ganhar massa magra e mantive o foco!

Só que sofrimento não é pra mim, então fiz minha deliciosa receita de cajuzinhos do bem de whey! E ficou excepcional! Dessa vez acertei em cheio! Fiquei muito satisfeita comigo mesma!

delícia de cajuzinhos proteícos de whey, passo a receita em outro post! Comi dois de sobremesa do almoço

Eu sou uma pessoa meio faminta! Passar fome pra mim não dá! Mas como também não dá pra ficar embarangando com porcariada todo dia eu vivo dando um jeitinho de fazer umas coisinhas mais saudáveis!

Sou do tipo que PRECISA comer de 3 em 3 horas! Se eu ficar 4 horas sem comer eu bato em alguém! Rs…

No meio da tarde firme e forte comi minhas oleoginosas (mix de castanha do para, macadamia e amendoa) , uma maça e uma fatia de queijo branco.

As oito da noite quando estava na hora de ir pra aquela corridinha bateu a super canseira denovo, mas eu sempre faço um esforcinho, porque mesmo quando a gente está acabada, depois que começa a correr empolga!

Como eu não tinha mais a camiseta para me dar o incentivo parti para uma medida mais drástica: pão integral com manteiga de amendoim (sem açúcar) e banana!

Isso mesmo! Essa delícia (que eu totalmente amo!!!) eu como toda vez que estou precisando de uma energia extra pra ir correr! E nunca, nunquinha, jamais, como se não for correr! É como um prêmio por eu ter feito esse esforço! Ás vezes eu estou mega podre e totalmente não a fim de ir, mas vou só pra poder comer a DILÍCIA!!!

Essa maravilha já salvou meus treinos muitas vezes! Inclusive hoje!

Putz cheguei na academia com mega preguiça, e ainda por cima estava lotação total! Tive que esperar um pouco por uma esteira ! Corri 35 minutos intercalei uns poucos tiros em um monte de trote, mas já está melhor né?

Ainda não consegui voltar a seguir minha planilha dos 10km  que está faz tempo na metade!

Pra falar a verdade eu cheguei podre na academia, mas o pão com banana e pasta de amendoim não falha! A energia veio forte! Terminei meus 35 minutos numa boa! Só cansei quando parei! Voltei mega acabada! Jantei e agora estou aqui finalizando meu dia no blog!

Que canseira brava de segunda feira!

Mas foi mais um dia vencido! Não enfiei o pé na jaca! Malhei, e corri duas vezes! Melhor impossível!

E você amiga? Sofreu pra manter a dieta e a atividade física na segundona? Ou começou com as energias super recarregadas?

Dicionário do corridês

Oi corredora!!

Isso mesmo, corredora!

Se você está lendo isso provavelmente é uma corredora.

” Ah, não, mas eu só corro dois minutos, intercalado com oito de caminhada…”

E daí? Quem disse que tem regra pra ser corredora? Eu nunca ouvi falar disso!

Se você corre, você é um corredor. Não importa o quão rápido ou o quão longe. Não importa se hoje é o seu primeiro dia, ou se você vem correndo há vinte anos. Não existe um teste para passar, nem uma licença para receber, nem um cartão de membro para receber. Você apenas corre.

Correr dois minutos não te faz menos corredora do que as meninas que correm ultramaratonas. Elas também tiveram que começar de algum lugar não é mesmo?

Então parabéns!!! Pode começar a se sentir uma SUPER CORREDORA!!! Eeeeeeeee!

Se você é iniciante, se prepare, um mundo novo vai se abrir, um mundo muito além de apenas “dar uma corridinha”! Vai ser demais! Eu prometo!

Quando eu comecei a correr, desse jeitinho mesmo, dois minutinhos, eu de cara já comprei a revista Runner’s.

Pra quem não sabe esta revista é especializada em corrida. É muito legal! Você pode aprender muito sobre o esporte e sobre os corredores, tanto sobre os profissionais como os amadores como nós!

Existem outras revistas sobre corrida no mercado, mas essa é minha preferida!

Tem de tudo nessa revista: histórias de superação, planilhas, calendário de corridas, entrevistas com atletas, dietas para corredores, e muitas outras coisitchias! É demais, comprei todas as edições desde que comecei a correr em setembro do ano passado! Não fico sem.

No ano passado eles publicaram o dicionário do corridês! Achei mega demais!

É que quando a gente começa a correr, descobre inúmeros outros termos que não fazíamos idéia que existiam! É quase como que aprender uma língua nova!

E o mais legal é quando a gente, que não tinha idéia disso tudo, começa a usar esses termos também! É aí que você se sente definitivamente na TCHURMA (dos corredores óbvio)!

Então bem vinda à essa linda TCHURMA feliz (você vai perceber os corredores são pessoas muito felizes, é inacreditável o que as endorfinas fazem com a gente)!

Pra você não ficar boiando e já sair com uma certa vantagem, repasso aqui o dicionário do corridês da revista runners:

DICIONÁRIO DO CORRIDÊS:

(fonte: Especial Runner’s, guia do iniciante)

Adaptação: período em que o corpo – coração, músculo e mente – ainda está se acostumando a novos estímulos.

Aquecimento: fase de preparo do corpo para o treino, pode ser caminhada ou trote leve.

Desaquecimento: caminhada ou trote  após os treinos e provas. minimiza o risco de lesões e dores musculares e permite que o coração retome gradualmente aos níveis de batimento em descanso.

Fartlek ( essa é a que eu mais gosto de falar, hihihi, acho super chique): significa “brincar de correr”, ou seja, é um treino que não especifica tempo ou movimentos. O importante é variar a intensidade da corrida sem pausas.

FCM: frequência cardíaca máxima. O máximo de vezes que o coração pode bater em um minuto. É melhor definida por meio de exame ergoespirométrico, mas existe uma forma para calcular a sua: 220 menos a sua idade.

Frequência da passada: é o número de vezes que seus pés tocam o solo a cada um minuto. Não existe um índice ideal de frequência. Conforme você melhora a velocidade, o índice geralmente aumenta.

Intervalado: chamado também de treino de tiros, é o treino em que o corredor alterna a intensidade do exercício, dividido em séries que intercalam corrida rápida e trote de recuperação.

Longão: treino mais longo da semana, com maior quilometragem a ser rodada. O objetivo dele é aumentar a resistência aeróbica do corredor e, para isso, deve ser feito com intensidade leve ou moderada.

Pace: ritmo empregado pelo corredor, no Brasil medido em minutos por quilômetro.

Platô: é um período frustrante sem avanços na corrida, que ocorre geralmente após semanas ou meses de tempos mais rápidos, quando seu corpo precisa consolidar os ganhos antes de seguir adiante. Se você ficar estagnado tente variar os tipos de treino, a intensidade ou aumentar o volume.

Regenerativo: consiste em correr distâncias curtas num ritmo que não exija muito esforço. Os treinos de recuperação são feitos entre os treinos mais pesados e permitem que o corpo absorva o condicionamento obtido durante as longas horas de treino de qualidade. Inicialmente deve durar de 10 a 20 minutos; depois de três meses aumente para meia hora.

VO2 máx: volume máximo de oxigênio que o corpo consegue usar do ar que está nos pulmôes para produzir energia.

Então, amiga corredora! Agora além de correr, você já pode começar a incluir essas novas palavras no seu dia-a-dia, e logo estará fluente!

Beijos e boa corrida!